1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

FERIAS

Quinta, 02 Agosto 2018 18:20

Artista do Mês

 

Durante todo o mês de Agosto estaremos de Férias

Regressamos em Setembro

CLEMENTE: Artista do mês de JULHO 2018 POPULARFM

Quinta, 19 Julho 2018 17:39

Artista do Mês

 

CLEMENTE

Artista do mês de JULHO 2018 PopularFm

 

Nasceu no bairro do Tróino, em Setúbal. Começou por fazer parte dos Antecipação que lançaram um disco em 1972.

O seu primeiro disco a solo, lançado em 1973, foi um EP para a editora Rapsódia no Porto com quatro versões: "Céu" ("Ciel" de Gil Chazal), "Hello, Amor" ("Hello, my love" de Theo Van Es), "Meu Bom Jesus" (versão de "Petit Jesus" de J. Renard e Claude François) e "Escuta-me" ("Escuchame" de T. Martinez). De 1973 a 1979 edita anualmente um disco geralmente com versões, incluindo a versão portuguesa das canções vencedoras do Festival da Eurovisão, tendo feito a primeira incursão pela música tradicional portuguesa em 1978 com o LP "Cantigas Que o Povo Fez".

Em 1980 obtém um dos seus maiores sucessos com "Vais Partir", com que recebe Prata, Ouro e Platina, a primeira canção que grava para a editora Rossil. Os sucessos prosseguem com "Canção dos Teus Cabelos" e "Balada dos Caçadores", com que participou no Festival da Canção da Rádio Comercial.

Em 1983 assina contrato com a editora Polygram editando o seu primeiro single para aquela editora com a canção "Amore Mio" recebendo Disco de Ouro com o selo daquela editora.

Viajou pelas várias comunidades portuguesas, recebendo sempre fortes e calorosos aplausos e o apoio incondicional do público. Participa nos festivais Slanchev Briag (Bulgária/1984), Yamaha Song Festival Tóquio (Japão/1984), Porto Rico/1984, Canzoneta Malteza - Malta/1985, Festival do Mediterrâneo Turquia/1989 ou Tel Aviv (Israel/1990) onde recebe vários prémios, nomeadamente de interpretação.

Em 1995 muda de editora, assinando contrato com a Vidisco e lança o CD "Romântico" onde consegue mais uma vez um Disco de Ouro.

Em 1996 o cantor setubalense de renome internacional grava o CD "Pelo Meu Caminho" com arranjos de Ramon Gallarza, José Marinho e Hernâni Raposo onde é apresentado pela primeira vez a canção "Colmeia do Amor", outro dos estrondosos sucessos da carreira do cantor. No mesmo CD aparece pela primeira vez o dueto "Tu Só Tu" com Alexandra, versão portuguesa do sucesso internacional "Something's Stupid" interpretado originalmente por Frank Sinatra e sua filha Nancy. Também o dueto "Toureiro" com Neno, guarda redes/cantor português que jogou no Benfica, Vitória de Guimarães e Selecção Nacional para além ainda do tema açoreano "Nove Ilhas, Dez Amores".

A comemorar 35 anos de carreira lançou o CD "Sinto Amor no Ar" com o selo Vidisco.

Em 2010 lançou o seu site oficial. Edita ainda o disco "Viagens".

Em 2015 fez uma participação especial na série da RTP "Bem-Vindos a Beirais".

Clemente é presença assídua nos diversos programas de canais da televisão portuguesa, bem assim como em muitos canais internacionais.

Tendo conquistado vários Discos de Prata, Ouro e Platina durante a sua já longa carreira, recheada de inúmeros sucessos, CLEMENTE é certamente dos nomes mais respeitados e aplaudidos do panorama musical português, o que o obriga a inúmeras actuações em território nacional constantemente e a viajar frequentemente pelo mundo para cantar para os nossos compatriotas essencialmente.

 

DISCOGRAFIA

 

  • Sucessos De Clemente (1983 LP, Rossil)
  • Cartas De Amor (1984 LP, Polygram)
  • Fantasia (1987 LP, Polygram)
  • Clemente (1990 CD, Polygram)
  • Juntos Outra Vez (1992 CD, Polygram)
  • Frente Ao Mar (1994 CD, Polygram)
  • Romântico (1995 CD, Vidisco)
  • Pelo Meu Caminho (1996 CD, Vidisco)
  • Cantigas Que O Povo Fez (1999 LP, Ovação)
  • Cantigas Que O Povo Fez (1999 CD, Dismusica/Ovação)
  • É O Amor, Amor (2000/2001 CD, Dismusica/Musicoeste)
  • Nostalgia (2002 CD, Universal)
  • Se Deus Não Existisse (2003 CD, Paulinas Editoras)
  • Clemente 30 Anos (2005 CD, Vidisco)
  • Concerto Ligeiro (2008 CD, CVL)
  • Sinto Amor No Ar (2009 CD, Vidisco)
  • Viagens (2011CD)
  • Essencial (Ovação 2014)
  • Essencial 2 (Ovação 2017)
fonte: Wikipédia e Facebook Oficial

RICARDO JOSÉ: Artista do mês de Maio 2018 POPULARFM

Segunda, 30 Abril 2018 15:17

Artista do Mês

 

RICARDO JOSÉ

"Lentamente"

Artista do mês de Maio 2018 POPULARFM

 

Ricardo José nasceu a 9 de Setembro de 1977 em França na vila de Bois Colombes. Filho de pais portugueses desde cedo aprendeu a falar português e a gostar de Portugal. Aos 6 anos de idade, entrou no coro infantil “ Les Petits Chanteurs D’Asnieres”, adquirindo uma base musical que lhe tem servido de suporte na sua carreira artística. Participou em vários programas de Tv em França e em gravações com vários artistas franceses. Aos 14 anos inicia a sua carreira num conjunto de música portuguesa que tocava em bailes para a Comunidade Portuguesa em França. Com 17 anos grava o seu primeiro disco com a participação de Tony Carreira como padrinho e produtor musical, tendo como autores Fernando Correia Marques e Tó Maria Vinhas, é editado em 1995 pela editora Ovação.

Em 1997 assina com a editora Vidisco e edita o álbum “Coração Vadio”, com produção de Tony Lemos e com a participação de Tony Carreira nas músicas e letras. Em 1999 assina com a editora Espacial e grava o álbum “Dá-me Mais Uma Chance” com a produção de Toy e com músicas e letras de Toy e Tony Carreira. Este disco chega a entrar no Top (Made in Portugal) e atingir o 7º lugar de vendas em Portugal. Em 2001 grava mais um disco com a editora Espacial com título “Tu És a Minha Estrela” com músicas de Toy e Tony Carreira. Em 2003 edita o álbum “Sei que vou atrás dela”, pela editora Espacial, com produção de Ricardo Landum, com letras e músicas de Ricardo Landum e de Tony Carreira. Em 2005 é forçado a fazer uma paragem na sua carreira devido a um problema de saúde. Em 2009 assina com a editora AM e grava um disco com a produção de Emanuel intitulado “Mudança”, com temas de Emanuel, Filipe Neves e do próprio Ricardo José. Em 2012 lança pela editora Espacial “Pega aí” e “E não era só eu” dois temas inéditos produzidos por Ricardo Landum, para festejar os seus 15 anos de carreira.

Em 2015 entra na Editora Mundial e lança “20 Anos 20 Canções”, no ano em que comemora 20 anos de carreira. Neste álbum faz uma retrospectiva da sua vida artística. Em 2016 volta a gravar com José Carlos Monteiro o álbum “Regresso” que é lançado pela editora Espacial. Este álbum é composto por temas muito dançáveis e cheios de ritmo, no qual inclui dois temas compostos por Ricardo Landum.

Em 2017 começa a preparar o seu novo disco que sai no início de 2018, intitulado “Eu” com a editora DISTRIRECORDS! Um álbum com 14 faixas, sempre com a produção de José Carlos Monteiro e com letras do mesmo, Carlos Soares, Sérgio Rossi, Tony Carreira! um ano de estúdio, com gravação de vários músicos, sonoridades diferentes, e sem duvida o Álbum de referência deste artista!

Fonte: Ricardo José

MARIA LISBOA: Artista do mês de Abril de 2018 POPULARFM

Domingo, 01 Abril 2018 00:00

Artista do Mês

MARIA LISBOA

Artista do mês de Abril de 2018 na PopularFM


Há mais de 41 anos, Maria Lisboa editou muitos álbuns e fez muito sucesso, chegando mesmo a conquistar o disco de Platina. Durante os seus primeiros 25 anos de carreira, a artista dedicou-se ao fado, iniciando-se na Grande noite de Fado. Depois disso, cantou ao lado de grandes fadistas da época, onde aos poucos, lhe foi merecido o seu reconhecimento. Por volta de 1997, Maria Lisboa dedicou-se mais à música ligeira. Após essa mudança a cantora somou imensos sucessos, salientando, o famoso Tira a mãozinha daí.

Maria Lisboa é caracterizada como uma cantora com enorme talento vocal e com prestações em palco fenomenais. Onde expressa com imenso sentimento e vibração, as suas interpretações musicais. Nos seus espetáculos, realça-se a sua capacidade de transmitir para o público uma extraordinária energia e emoção.

Não só para comemorar os seus 41 anos de carreira, mas também por atingir o seu apogeu na mesma, Maria Lisboa pretende dar aos seus fãs um concerto memorável, com muitas surpresas e novidades musicais. Porém, este concerto também tem o intuito da Artista cantar as músicas, que tiveram mais sucesso, no seu álbum Tenho Fé em Deus, como Tenho Fé em Deus, Nossa Senhora de Fátima e Zumba Comigo, entre outras. O álbum Eu tenho Fé em Deus, foi o mais vendido do ano 2015, na categoria música popular/artista feminino. A artista vai cantar também os temas de mais sucesso do seu ultimo CD, como: Que Deus Te Guarde, No Palco da Vida, Kizomba e Reggaeton, entre outras.

Para quem presenciar este Grande Concerto de Maria Lisboa, irá ter uma experiência única pela magnífica produção, Glamour e espetáculo cheio de energia. Além disso a cantora irá presentear os seus fãs com experiências muito intimistas. Este será um espetáculo a não perder para quem quiser desfrutar de um grande concerto de música popular no seu esplendor máximo.

Fonte: Bilheteira Online

Anexos:
Fazer download deste ficheiro (Que-Deus-te-Guarde.jpg)Que-Deus-te-Guarde.jpg[ ]16 Kb
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.