1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

JOÃO GIL: 14 Dezembro 2012, Os Mais Belos Lamirés Radiofónicos - 14H

popularfm_jgil 

JOÃO GIL - novo álbum "VITORINO VOADOR"

14 Dezembro de 2012 - 14h

Os Mais Belos Lamirés Radiofónicos com Nuno Merca

 

Vitorino Voador é uma faceta que, após muitos anos a compor compulsivamente, João Gil sentiu a necessidade de começar a mostrar, deixando aqui de ser o “João”, o “Gil”, ou qualquer outro dos nomes que ganhou nas várias bandas que integra/integrou. É através de Vitorino Voador que João Gil passa a expressar apenas a sua linguagem e a sua forma de contar histórias e de fazer música. Na Time Out, consideram-no um “fazedor de pop estranha”. Talvez tenham razão.

O primeiro “single”, “Carta de Amor Foleira”, faz parte da compilação Novos Talentos FNAC 2012 e integra Vitorioso Voo, o EP de estreia de Vitorino Voador, composto por 6 temas e com edição da Optimus Discos. Este EP conta o primeiro capítulo de uma história cujo segundo capítulo está já escrito e ilustrado, com apresentação prevista para o início de 2013.

Se quisermos falar da forma como isto nasceu é melhor recuar um bocado no tempo e falar da origem. O interesse pela música começou cedo, por volta dos sete anos, altura em que começou a tocar guitarra clássica, dividido entre o rock e a música clássica. Só muito mais tarde, por volta dos vinte anos, é que se interessa pelo piano e começa a estudar música. Por esta altura, já as influências estavam bem marcadas na sua forma de tocar, discos de Nirvana ao lado de discos do Brad Mehldau era o que se via ao lado da sua aparelhagem. Palavras para quê...

Chegamos ao presente, onde João Gil se apresenta nas suas diversas bandas, onde faz aquilo que gosta mas ainda assim falta alguma coisa, uma vontade de se exprimir pelas suas próprias palavras e falar na tal linguagem que falámos no início. Assim surge o Vitorino Voador, ainda João Gil não sabia que seria esse o nome que lhe daria. Começam as músicas, começam as letras que falam sobre si e o que o rodeia, das suas paixões, dos seus sonhos, da sua vida. Mas o nome ainda não tinha surgido aqui, mas como todas as bandas que são bandas, precisam de um nome, também ele precisava de um, mas qual? Foi então que se lembrou de dois bonitos momentos que tinha vivido como músico, um momento onde assistiu a uma gralha num cartaz e nasce o “Vitorino”, outro momento numa estação de serviço no meio de Portugal onde foi fotografado a saltar de uma carrinha, e nasce o “Voador”. Daí até se sentar a uma mesa com a sua irmã e lhe falar da sua nova ideia, de ela, em dez segundos, lhe desenhar aquele que é o desenho da sua mascote, foi um tiro e assim nasceu o Vitorino Voador como é agora. 

João Gil é músico profissional e integra os Diabo na Cruz, You Can’t Win Charlie Brown, Feromona, Flume e Diego Armés no seu projecto a solo. Nasceu em Lisboa, em 1980.

www.facebook.com/vitorinovoador | www.vitorinovoador.bandcamp.com

Alinhamento

Vitorino Voador

Vitorioso Voo

1. Mensagem

2. Carta de amor foleira

3. Já foi

4. O dom

5. Coragem

6. Que sítio é este?

Ficha Técnica

Letras e Música por João Gil

Gravado e Produzido por João Gil e José de Castro

Misturado por José de Castro e Masterizado por Bernardo Barata

Concepção Gráfica por João Gil e Pedro Ferreira

Refrão da música "Que sitio é este?" é um excerto do poema "Tempo da Lenda das Amendoeiras" de Ary dos Santos

No Estúdio POPULARFM

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.