1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

MOVIMENTO SEIXAL MÚSICA: 23 de Junho de 2013 - 22H

popularfm_movimento_seixal2840MOVIMENTO SEIXAL MÚSICA - 2840

23 de Junho de 2013 - 22H

Catedral do Rock com Jorge Caldeira

 

O Concelho do Seixal sempre foi uma região cheia de musical a tradição das gentes desta região foi sempre marcada pelas coletividades que desde o início do século XX se dedicaram a formar, divulgar e incutir o gosto pela música às suas populações. As várias filarmónicas do Concelho, durante muitos anos foram os agentes culturais responsáveis pela formação de muitos talentos musicais.

Com a chegada de novas correntes musicais, inspiradas pelos novos sons, vindos da Inglaterra e Estados Unidos da América, os jovens começam a adotar novas formas de estar e se expressarem através da música. Orock; o pop; o metal; o rap, foram assimilados e interpretados por um grupo de jovens criadores, que sempre levaram o nome do Concelho a todo o país de norte a sul. Em pleno boom dorock nacional, bandas como o Grupo de Baile e os Iodo, tornaram-se ícones da nova música nacional. Nos anos noventa com a aparição de centenas projetos na área do Metal, aparecem bandas como os Ramp, que ajudaram a que a Margem Sul do Tejo fosse apelidada do “ninho” do som pesado nacional. Bandas como os Alcoolémia deram a conhecer o seu rock forte e rebelde, outras como os Black Company, meteram todo o País a cantar o seu rapdançável e divertido. Desde o início do século que muitos outros criadores musicais, nas mais variadas áreas comprovaram que no Seixal a música é uma forma de estar e viver.

Em 2012 e após anteriores tentativas de unir e desenvolver projetos em comum, surge o Movimento Seixal Musical, após uma reflexão realista sobre o papel que os músicos locais deverão ter na ação cultural do Concelho do Seixal. Um grupo de pessoas que dedicam e amam a música, resolveram unir-se e desenvolver em conjunto projetos cujo objetivo principal, é a valorizar do seu trabalho e os dos seus pares, bem como divulgação desses mesmos trabalho no país inteiro. A este movimento juntam-se centenas de músicos que voluntariamente se propõem a trabalhar pelo bem comum.

No início de 2013 apresentam um dos primeiros projetos deste Movimento. "2840" é a primeira coletânea a ser editada. Onze bandas do Concelho do Seixal que mostram duas gerações que se dedicam à música nestes últimos vinte anos. Onze projetos com o mesmo objetivo, o de mostrar que a música no Seixal está viva, e de boa saúde. No CD poderão encontrar bandas com alguns anos de carreira e vários discos gravados, bem como outras, que ainda estão no início de carreira. Todas juntas, sem preconceitos, com ondas musicais bem diferentes e diversas, mas conscientes do que os une, o amor pela música, a amizade e o respeito que nutrem uns pelos outros.

Juntamente com a Necrosymphonic Entertainment, a única editora sediada no Concelho do Seixal, conseguiram com o investimento comum, chegar ao seu objetivo. E prometem que este é somente o primeiro de muitos volumes que pretendem editar nos próximos tempos.

Esta coletânea, editada em março deste ano, é para se ouvir sem preconceitos. É um unir de forças; uma mostra de criadores honestos e lutadores. O caminho dos músicos em tempos de crise e cortes na cultura, é único. Unirem-se e serem participativos; pró-ativos e conscientes. Só assim é possível combater a inércia e inoperância das Instituições do Estado.

As bandas participantes são Caffeinna, Cruzumana, Dixit, Espelho Mau, Espírito Santo, La Chanson Noire, One Thousand Eyes, Ossos do Ofício, 21 Miles, Tiro no Escuro e XXL Blues.

No Estúdio POPULARFM

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.