1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

KARPE DIEM: 8 de Dezembro de 2013 - 22H

popularfm_karpe_diem_2013KARPE DIEM

8 de Dezembro de 2013 - 22H

Catedral do Rock com Jorge Caldeira

Os Karpe Diem sobem pela primeira vez a palco em inícios de 1990. E esse concerto fica marcado na memória de todos os que participaram e ajudaram esta banda até aos dias de hoje. E logo aí se vê a garra de um rock muito português e sem preconceitos ou ambições desmedidas.

Durante alguns anos os KD participaram em diversos eventos musicais, basicamente em qualquer palco onde se pudesse tocar e rockar.

Ao longo destes quase 15 anos e com a gravação de várias demos, destaca-se a gravação do tema "Aqui Sozinho" na compilação “Rock Luso”, da estação de rádio Ateneu, levando o mesmo tema ao programa de música "Top SIC", na SIC.

Em fevereiro de 2004, já com a atual formação, gravam o tema "Concerto" no tributo à emblemática banda rock UHF. Na sequência da gravação, são convidados a participar em diversas primeiras partes dos UHF, para prazer dos fãs. Em julho de 2005, abrem o Festival Antarte – Pop/Rock 100% Nacional, na Rebordosa, Paredes.


Aquando das últimas visitas a Portugal da carismática banda The Mission, foram os Karpe Diem a banda escolhida para a abertura dos seus concertos, quer no Hard Club, no Porto, quer no TMN, em Lisboa. Participaram por diversas vezes no programa da RTP1 “Portugal no Coração”, bem como no Sete Praias, Sete Maravilhas de Portugal, para além dos muitos concertos de norte a sul do País.


Com a edição do primeiro trabalho discográfico em 2010, não se fizeram rogados e avançaram para o segundo CD com o título de “Suspenso no Ar”, apresentado em 2012.


Paulo Inácio: Com uma garra muito forte em palco, que lhe é por todos reconhecida, é a voz que se mantém desde o primeiro dia de formação, marcando os palcos num estilo muito próprio. Com ele nunca se sabe o que pode acontecer. Mas já foram muitos os líderes políticos que ficaram com as orelhas a arder. Os Karpe Diem nunca ofendem ninguém, mas tomam posições sociais neste Portugal dos pequeninos.

Luís Bray:Com movimentos irrequietos, numa pose muito própria em palco, repartiu durante algum tempo o brilho do som do seu baixo entre os Karpe Diem e os Dea Karma. Hoje é o titular do lugar e apenas nos Karpe Diem. E desde que comprou o Music Man... é vê-lo feliz.

David Monge: No palco, com a guitarra em punho, tem uma presença forte e alegre, transpirando a energia necessária para todos. Fez parte dos Tequilla Pura durante 10 anos; toca atualmente também na banda de covers Hot Pussy. É o animador de serviço.

Bernardo Ribeiro: A força com que toca nas peles da bateria marca o tempo e a energia que se quer numa banda rock. No início de carreira tocou na mística banda Kaganisso. Durante dois anos, foi baterista dos Cello. Hoje de corpo e alma nos Karpe Diem, gosta mesmo é de tocar ao vivo.


Sandro Navarro: A mais recente aquisição. Os riffs estão à sua responsabilidade. Recatado com a sua “maria” junto do seu Marshall, marca uma presença quase discreta em palco, assume num todo as melodias. Partilha também a sua guitarra no projeto de covers, Oil Trampoline.


www.karpediem.org

No Estúdio POPULARFM

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.