1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

ANA BACALHAU: 16 de janeiro de 2018 - 16H30

No Estúdio POPULARFM

ANA BACALHAUANA BACALHAU

16 de janeiro de 2018 - 16H30

No programa "Nós As Mulheres"


"Nome Próprio" é o primeiro álbum a solo de Ana Bacalhau. O álbum teve produção de João Bessa e Ana Bacalhau e foi masterizado nos estúdios de Abbey Road, em Londres. Com 14 temas, pode deliciar-se com a voz de Ana Bacalhau, a vocalista dos Deolinda. Recorde-se que o grupo anunciou uma pausa na carreira, em novembro de 2017.

Samuel Úria, Jorge Cruz, Nuno Prata, Afonso Cruz, Nuno Figueiredo, Capicua, Márcia, Carlos Guerreiro e Francisca Cortesão são alguns dos compositores desafiados por Ana Bacalhau para este seu primeiro álbum solo. Na gravação do disco, a cantora contou com a preciosa mestria de Luís Figueiredo (piano, teclados), Luís Peixoto (cavaquinho, bouzouki, banjo), Zé Pedro Leitão (contrabaixo, baixo), Alexandre Frazão (bateria, percussão), Mário Delgado (guitarra eléctrica) e Amadeu Magalhães (cavaquinho).

Ana Bacalhau nasceu a 5 de novembro de 1978, em Lisboa. Aos 15 anos começou a tocar guitarra e a cantar, passando, mais tarde, por grupos como os Lupanar e Tricotismo.

Fonte: Editora Universal

IVA MASS: 15 de janeiro de 2018 - 17H

No Estúdio POPULARFM

IVA MASS

15 de janeiro de 2018 - 17H

No programa "Nós As Mulheres"


Começou a cantar desde criança, acompanhando os programas internacionais ligadas a música, isto é, interpretando as músicas dos artistas. Aí nasce a paixão pela música aos 15 anos onde participou do Reality Show “Super Tarde” da televisão STV de Moçambique.

Foi eliminada na segunda gala do concurso por falta de votos,isso no ano 2012. Não desistiu participou do outro reality show “Desafio Total” da mesma televisão no ano 2015. Nesta teve várias experiências com os professoras e colegas, eliminada em sétima gala .

Depois da saída no Reality começa já a gravar músicas em estúdios. Quando mais tarde foi solicitada pela agência Bz Records onde já começou a gravar profissionalmente com produtores melhores capacitados. Gravando a EP – PROMETO que fazem parte desta EP os temas: "Prometo", "Sou mulher", "Meu Palhaço" e "Maguloso". E mais temas que ainda não foram lançadas que farão parte do primeiro álbum que ser a chamada VIDA.

Fonte: Editora Vidisco

SONS DO MINHO: 15 de janeiro de 2018 - 15H

No Estúdio POPULARFM

SONS DO MINHOSONS DO MINHO

15 de janeiro de 2018 - 15H

No programa "Nós As Mulheres"


Num rasgo de criatividade e numa combinação equilibrada entre o tradicional e o contemporâneo, temos neste álbum uma clara garantia de que, com Sons do Minho, "A Festa é boa!". Um trabalho discográfico constituído por 11 temas, que resultam em 45 minutos de muita festa. Destacam-se os singles "Quanto mais o vira" e "Juntos".

Oriundo do Distrito de Viana do Castelo e constituído por oito elementos, o Grupo “Sons do Minho – Concertinas e Desgarradas” visa a divulgação e preservação da cultura e da música popular, sendo, actualmente, uma referência nacional deste género musical.

Um espectáculo único e dinâmico, desfrute dos temas tradicionais portugueses mais emblemáticos, das cantigas à desgarrada e dos temas originais de Sons do Minho.

Fonte: Espacial Editora

ADRIANA LUA: 12 de janeiro de 2018 - 13H

No Estúdio POPULARFM

ADRIANA LUAADRIANA LUA

12 de janeiro de 2018 - 13H

No programa "A Hora É Nossa"


Há mais de uma década a viver em Portugal, Adriana Lua, a intérprete brasileira que já conquistou o público português apresenta dois novos ritmos. "Pago Pra Ver" e "Lágrimas das Inimigas" são dois temas fortes e com uma mensagem.

Nascida a 21 de janeiro de 1980, Adriana Lua é uma explosão de alegria e esperança, convidando o público a voltar a acreditar porque... " Não existem sonhos impossíveis". Uma carreira musical que deu os primeiros passos no Brasil ao som da MPB, forró e axé, passando pelos eletrizantes “trios elétricos” da Bahia até aos dias de hoje, em que a fusão das sonoridades contemporâneas fazem de Adriana, uma das intérpretes mais acarinhadas pelo público português.

Fonte: Editora Espacial

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.