1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

CiIGANOS D'OURO: 1 de março de 2018 - 16H

No Estúdio POPULARFM

CIGANOS D'OUROCIGANOS D'OURO

1 de março de 2018 - 16H

Mini-concerto em "Nós As Mulheres"


Os Ciganos D'Ouro são os convidados para o regresso dos mini-concertos à POPULARFM.

CIGANOS D'OURO surgem em 1994 por iniciativa dos Irmãos José Pato e Sérgio Silva. A partir de 1996, ano de lançamento de La Casa, depois dos sucessos de Gitanita Vem e Oh Mi Amor, contou com a colaboração regular dos guitarristas Pedro Jóia e Francisco Montoya. Ao longo dos 22 anos de carreira, o grupo divulgou o seu trabalho em festivais internacionais de música em países como a Bélgica, França, Espanha, Holanda, China, República Checa, Macau, Finlândia . A matriz principal do grupo é o Flamenco e o Cante Hondo, sendo o resultado desta fusão a edição de 7 discos .

Para além das composições originais, os Ciganos D`Ouro interpretam músicas de autores e artistas como Amália, “Cansaço” e “Dar de Beber à Dor”, bem como Roberto Cantoral, Paco de Lucia, Gypsy Kings, Federico Garcia Lorca, Rui Veloso, entre outros.

A conjugação da matriz flamenca com elementos de origens tão diversas como o Fado, o Tango, a Morna, o Jazz e a música balcânica, resultando desta fusão uma sonoridade original e apelativa.

A banda constituída por José Pato (voz e guitarra), Sérgio Silva (segunda voz e guitarra) e Francisco Montoya (guitarrra solo e arranjos), conta com as participações de Jaume Pradas, Gustavo Roriz, Victor Zamora, Sebastian Sheriff, e os convidados especiais, Kumpanhia Algazarra, Pedro Jóia, Dennis Stetcenko, Lúcio Stuart e Bruno Cardoso.

Fonte: Central de Artistas

NUNO RICKY: 28 de fevereiro de 2018 - 17H

No Estúdio POPULARFM

NUNO RICKYNUNO RICKY

28 de fevereiro de 2018 - 17H

No programa "Nós As Mulheres"


Nascido em La Chaux-de-Fonds (Suíça) e filho de emigrantes portugueses, NUNO RICKY desde de muito novo sempre foi um apaixonado pela música. Aos 8 anos de idade decide entrar numa escola de música suíça para adquirir formação musical. Ai se formou até os seus pais decidirem regressar a Portugal em definitivo no ano 1999, na altura tinha ele 13 anos.

Em Portugal, NUNO RICKY passou a ser um músico autodidata e decide começar a tocar teclado e cantar. Rapidamente formou um dueto e uma banda e começou a actuar em várias festas por todo o pais. Manteve esses dois projetos durante 10 anos, até ao ano 2009. Paralelamente também actuava em bares com outra banda criada por ele, e desde 2009, essa banda passou a ser a aposta principal do músico.

Em 2012 surge o convite da cantora NUCHA para ser Director Musical do seu projecto de originais. A partir dai, vários foram os palcos que pisaram juntos e os programas de televisão que participaram. Também chegou a acompanhar outros artistas portugueses em palco. Com o projecto da NUCHA e com a sua banda de bares, NUNO RICKY sentia-se ainda incompleto, pois a vontade de criar as suas próprias músicas começava a falar mais alto.

Em 2016, NUNO RICKY reúne-se com MÉNITO RAMOS e convida-o para produtor do seu projecto de originais. Trabalharam juntos durante esse ano e finalmente nos finais do ano 2017, sai o seu álbum de estreia “C’est la vie”. Um trabalho muito aguardado por ele e pelo seu produtor. Conta também com a participação da sua grande amiga NUCHA num dos seus temas.

Actuamente NUNO RICKY foca-se na promoção deste seu primeiro trabalho e na realização dos seus espectáculos ao vivo com a sua banda. Agora sim, finalmente com as suas músicas.

No que toca ao seu futuro, com empenho e dedicação, tudo é possivel...

Fonte: Nuno Ricky

BERG: 23 de fevereiro de 2018 - 13H

No Estúdio POPULARFM

BERG

23 de fevereiro de 2018 - 13H

No programa "A Hora É Nossa"


Teófilo Sonnenberg (Berg) nasceu em Angola, cresceu no Porto e viveu na Suiça (onde fez parte da equipa nacional de snowboard e onde gravou o primeiro album aos 15 anos com a banda Pacemaker).

De volta a Portugal integrou a banda de Rui Veloso onde permance há 14 anos.

Foi também convidado para as gravações de albuns de Boss AC, Rita Guerra, Nuno Guerreiro, Pedro Abrunhosa e GNR.

Em 1999 edita o primeiro a solo (Berg) seguido por “Mundo” em 2008.

Em Fevereiro de 2014 foi o grande vencedor do Factor X Portugal o que o fez abraçar a sua carreira a solo e conquistar o já tão merecido reconhecimento público.

Após vários anos de carreira a acompanhar os mais importantes músicos portugueses, este BERG mais maduro e confiante assume com naturalidade esta nova etapa da sua vida, onde a sua faceta de frontman e homem de palco é evidenciada.

Fonte: Sony Music

SOULWAVE: 15 de fevereiro de 2018 - 17H

No Estúdio POPULARFM

SOULWAVESOULWAVE

15 de fevereiro de 2018 - 17H

No programa "Nós As Mulheres"


SOULWAVE nasceu em 2010 pela mão de Pedro, que em 2013 convidou Ruka para abraçar o projecto da dupla de DJ / Produtores. Com um estilo musical de Afrobeat, Moombathon e House Latino, conta já com a presença em várias discotecas no nosso país e no estrangeiro.

O projecto SOULWAVE feat. Hugo Casaca surgiu numa simples conversa de amigos, que Hugo Casaca prontamente aceitou. O EP NOSSO É NOSSO é o mais recente trabalho desta dupla de hip-hop. Composto por três temas de lançamento marca uma nova etapa no percurso musical de SOULWAVE, fruto do trabalho, persistência e crescimento profssional dos seus elementos.

SOULWAVE feat. Hugo Casaca um projecto com a marca PAÍS REAL....

Fonte: País Real

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.