1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

Aceite Providência Cautelar que impede alteração dos estatutos da Amarsul

Segunda, 21 Julho 2014 10:52

AMARSULA Câmara do Seixal afirma, em comunicado, que foi aceite a Providência Cautelar, apresentada a 8 de Julho de 2014, no Supremo Tribunal Administrativo, contra o Conselho de Ministros, por discordar da recente alteração dos Estatutos da Sociedade Amarsul – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, SA. O processo judicial visa suspender os efeitos das alterações aos Estatutos daquela sociedade. A autarquia do Seixal - tal como todas as Câmaras da Península de Setúbal - teme que privatização da Amarsul represente "o aumento do preço cobrado e a diminuição da qualidade do serviço prestado, tal como acontece com muitos outros processos de privatização". Seixal consegue que tribunal "trave" venda da Amarsul a privados.

ADN - AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

www.adn-agenciadenoticias.com

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.