1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

Homem morre na Moita enquanto roubava cobre

Segunda, 16 Março 2015 10:55

Um homem de 57 anos morreu na manhã de sexta-feira quando retirava cobre de uma fábrica abandonada na Moita. Uma placa do telhado cedeu e o homem caiu de uma altura de 10 metros. 178 euros era quanto entrava todos os meses na casa de Joaquim Saavedra, um pedreiro no desemprego, e Lídia Felgueiras, a companheira da vítima. Joaquim queria comprar carne para o seu aniversário que queria festejar em casa da sobrinha, em Pinhal Novo. Decidiu tirar cobre da antiga fábrica de arame a poucos metros de casa. O telhado não aguentou o peso do homem e cedeu. Joaquim andava ao cobre para dar uma vida melhor à família. "Ele por vezes ia lá para a fábrica, mas tirava o cobre do chão. Desta vez foi para o telhado e aconteceu isto", disse a companheira da vítima. Joaquim era natural de Lamego, no distrito de Viseu, e deixa dois filhos.

ADN - AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

www.adn-agenciadenoticias.com

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.