1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

Fim do Eos "despede" 200 trabalhadores em Palmela

Terça, 14 Julho 2015 00:00

O fim da produção do Volkswagen EOS, na fábrica da Autoeuropa, em Palmela, vai empurrar para o desemprego cerca de 200 trabalhadores. Nove anos e 230 mil unidades depois, o fim da produção do EOS vai afetar principalmente os trabalhadores da Webasto, que despede cerca de uma centena de trabalhadores, sendo que os operários da Autoeuropa deverão ser distribuídos por outras tarefas. A Webasto, que fabricava os tectos de abrir do descapotável, será a empresa mais afectada, refere a edição do Diário Económico desta terça-feira. Além desta fabricante, também a Inapal Plásticos, Peguform, Faurecia, Benteler, Vanpro, SAS, Acciona, Schnellecke vão ter que dispensar trabalhadores.

ADN - AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

www.adn-agenciadenoticias.com

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.