1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

Palmela e Lisboa são os concelhos que mais acolhem refugiados

Sexta, 16 Outubro 2015 10:00

 

 

O grupo de refugiados que tem Portugal como destino ainda não chegou, mas a Plataforma de Apoio aos Refugiados, constituída há cerca de mês e meio, já tem 85 casas prontas até 420 refugiados. Este trabalho já vai “além da boa vontade. Está a ser desenvolvido um trabalho sério, consistente e profissional”, disse Rui Marques, ontem eleito coordenador da organização. As instituições que vão acolher refugiados são institutos religiosos (26 por cento), associações e fundações (25 por cento) e instituições particulares de solidariedade social (19 por cento) e poderão inscrever-se para receber formação. Lisboa e Palmela acolhem 40 por cento destes 420 refugiados. Só a Fundação Islâmica de Palmela vai receber 56 pessoas. "É possível que recebamos pessoas de religião muçulmana, mas isso não é uma condicionante, estamos aqui numa perspetiva humanitária e, sejam muçulmanos ou não, serão acolhidos", disse Altaf Siddik, representante da fundação.

ADN - AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

www.adn-agenciadenoticias.com

Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.
Please update your Flash Player to view content.